Pele do corpo seca e áspera,Causas, sintomas e soluções

Pele do corpo seca e áspera, Causas, sintomas e soluções

Sintomas da pele áspera no corpo
Compreendendo as causas da pele seca e áspera no corpo
Fatores que podem contribuir para o surgimento da pele áspera no corpo
Tratando a pele seca e áspera do corpo
Produtos relacionados
A pele não só é o maior órgão do corpo, mas também desempenha um papel vital na regulação da sua temperatura e age como uma barreira de proteção para o organismo contra agentes externos. No entanto, certas partes do corpo tendem a ficar secas e apresentar as vezes rachaduras, fazendo com que a pele perca a capacidade de desempenhar essas funções. Contudo, uma boa rotina de cuidados com a pele, usando produtos formulados especificamente para peles ásperas e ressecadas, pode ajudar a restaurá-la, deixando-a em um estado mais saudável.

SINAIS & SINTOMAS
Sintomas da pele áspera no corpo
A pele seca pode aparecer em qualquer parte do corpo, mas algumas áreas são mais propensas a ficarem muito ressecadas ou até mesmo ásperas e rachadas.

A pele seca aparece de forma gradual e segue um processo progressivo:

A pele seca apresenta uma sensação de estiramento e pode apresentar-se com maior ou menor grau de aspereza.
Com frequência, os primeiros sinais de ressecamento não causam muito desconforto, mas ignorá-los pode fazer com que o quadro clínico se agrave.
A pele muito seca é bastante tensionada, muito áspera, escamosa, rachada e apresenta coceira.
A pele apresenta uma sensação de estiramento e também pode apresentar descamação.
O ressecamento excessivo pode fazer com que ela encolha e fique frágil, levando à rachaduras, especialmente em áreas que precisam ser flexionadas durante o movimento, como a planta dos pés ao caminhar. A pele também pode ter sinais de inflamação.
Sintomas da pele áspera e rachada

Estiramento extremo
Aspereza intensa
Rachaduras ou fissuras na pele
Coceira intensa

A pele seca fica mais áspera e rachada quando o ressecamento atinge as suas camadas mais profundas.

As solas dos pés tendem a ficar secas e rachadas.
Áreas da pele do corpo afetadas pelo ressecamento e aspereza

A pele das nossas mãos fica seca devido à lavagem frequente. As fissuras geralmente ocorrem ao redor das articulações dos dedos, pois a pele está tensionada e pode quebrar facilmente quando esticada.
A pele dos pés, especialmente na região do calcanhar, torna-se ressecada com frequência, ficando áspera e rachada, gerando um desconforto; e, em casos graves, pode ficar dolorida e inflamada. A pele da região do calcanhar precisa ser mais espessa para assim suportar a pressão e o estress do movimento ao caminhar e correr.
Os lábios também são propensos ao ressecamento, especialmente em pacientes com acne sob medicação oral, pois tendem a rachar, gerando bastante desconforto e dor.

Lavar as mãos com frequência gera o problema do ressecamento, pois a pele ao redor dos dedos pode quebrar.

A pele seca no rosto pode ficar áspera e até mesmo descamar.
Doenças e seus impactos sobre a pele

A pele seca, ou “xerose”, como é conhecida clinicamente (em grego: “xero” significa “seco” e “osis” significa “doença”) é uma classificação ampla que inclui o ressecamento da pele provocado por qualquer tipo de fator, sejam eles internos ou externos. Há também outros problemas de pele que levam a uma pele seca, áspera e rachada. Problemas como a psoríase e a dermatite atópica na face ou no corpo possuem causas inflamatórias implícitas, deixando a pele com uma aparência avermelhada, escamosa e com muita coceira.

A dermatite atópica geralmente afeta crianças pequenas e deixa uma pele áspera e irritada nas regiões de dobras (joelhos, cotovelos e áreas do quadril).
Peles acometidas por psoríase geralmente apresentam placas de pele seca, duras e com coceira, que podem surgir em qualquer parte do corpo.
Diabetes, seja do tipo 1 ou 2, também podem provocar ressecamento da pele, deixá-la áspera e com incidência de coceira.

Algumas doenças de pele relacionadas à pele seca desenvolvem sintomas como a vermelhidão, descamação e coceira.
Há mais informações sobre pele seca e também sobre problemas de pele como a dermatite atópica, psoríase e xerose neste site.

Se você está preocupado ou inseguro quanto aos seus sintomas, ou se eles estão piorando, recomendamos consultar pessoalmente o seu médico ou dermatologista.

CAUSAS & FATORES DESENCADEADORES
Compreendendo as causas da pele seca e áspera no corpo
As causas de uma pele seca, áspera e rachada variam desde cuidados inadequados com a pele, a fatores ambientais e a problemas ligados à saúde, como a dermatite atópica e a psoríase. Essas causas são influenciadas por fatores internos e externos.

Fatores externos

A pele seca, ou o processo de desidratação da pele, ocorre em etapas:

A pele fica seca quando começa a perder os seus lipídios naturais, resultando na quebra da sua barreira superficial, impedindo assim que ela retenha a umidade.
Isso acelera a velocidade com que a pele perde umidade. A falta de fatores de hidratação naturais que retém a água na pele, faz com que as camadas superiores da pele fiquem desidratadas.
A pele seca torna-se áspera e rachada quando o ressecamento atinge as camadas profundas, comprometendo as aquaporinas cutâneas — canais de umidade nos níveis mais profundos da epiderme que regulam a distribuição de umidade interna.

A deficiência de fatores de hidratação natural de fixação da água (FHNs) deixa as camadas superiores da pele desidratadas.
O ressecamento da pele pode ser provocado por fatores externos como por exemplo, as condições climáticas, as quais afetam a capacidade da pele em reter a umidade e o uso inadequado de produtos para os cuidados da pele.

Fatores Ambientais

Condições climáticas agressivas – o ar quente, frio e seco alteram a barreira da superfície da pele.
Mudanças de estações – os sintomas da pele seca geralmente pioram tanto durante o inverno, como no verão.
A luz solar ultravioleta (UV) pode aumentar a taxa de envelhecimento da pele fazendo-a mais suscetível ao ressecamento causado pela idade.
Cuidados inapropriados com a pele

Lavar com frequência, ou banhos e duchas longos e quentes removem os lipídios que compõem a barreira da pele.
Uma rotina de cuidados com a pele inapropriada – Faz-se importante seguir uma rotina de cuidados com a pele e utilizar somente produtos que sejam adequados para a pele com sinais de ressecamento.
Medicação

A pele seca é um efeito colateral de alguns medicamentos. Um dos medicamentos comumente usados ​​que possuem esse efeito colateral são os diuréticos para pressão arterial. Eles funcionam aumentando a taxa de evaporação da água do corpo, além de alguns antibióticos e medicamentos para acne.

Alguns sabonetes são muito agressivos com a pele e removem os seus lipídios naturais.

Alguns medicamentos podem causar um ressecamento na pele. Verifique com o seu médico se a sua medicação pode levar a esse efeito colateral.
Fale com o seu médico sempre que suspeitar que um medicamento está contribuindo para o ressecamento da sua pele.

Fatores internos

Influência genéticas
O equilíbrio de hidratação da pele também é influenciado pela genética. Algumas pessoas têm pele oleosa e outras pele seca. Esses tipos de pele são herdados, embora um indivíduo possa não ter necessariamente o mesmo tipo de pele que os pais. Além disso, pessoas de pele clara parecem ser mais propensas a ter uma pele seca do que pessoas com tez mais escura. Problemas de pele como a dermatite atópica, psoríase e ictiose geralmente apresentam uma predisposição genética.

Influências hormonais
Alterações nos níveis de certos hormônios, principalmente do estrogênio e da testosterona, podem influenciar a hidratação da pele e os seus níveis de lipídios. Isso é mais visível depois da menopausa ou durante a gravidez.

Idade
Conforme a pele fica mais madura, a atividade das glandulas sebaceas e sudoríparas é reduzido, resultando numa diminuição da capacidade de produzir suor e lipídios. Da mesma forma, o teor de água da pele e a sua capacidade para reter a umidade, também ficam reduzidos. Esses fatores levam ao ressecamento da pele, que por sua vez contribui para o envelhecimento dela e para o desenvolvimento de linhas finas e rugas. O termo geral disso é o ressecamento causado pela idade.

Dieta
Como qualquer outro órgão, a pele exige uma série de nutrientes importantes, para poder funcionar corretamente. Eles podem incluir óleos vegetais e vitaminas, especialmente as vitaminas C e E.

Em peles mais escuras, os sinais de envelhecimento aparecem com menor gravidade e começam num estágio posterior.

Podem aparecer estrias durante a gravidez – a aplicação regular diária de loções ou óleos corporais de reposição, combinados com uma massagem suave nas áreas afetadas, ajudará a prevenir o desenvolvimento desse mal.

Depois dos 25 anos, a pele fica cada vez mais seca e menos elástica, conforme o tempo passa.
FATORES CONTRIBUINTES
Fatores que podem contribuir para o surgimento da pele áspera no corpo
Os fatores, que afetam o equilíbrio de umidade natural da pele e que fazem com que a pele fique áspera e rachada, são os que seguem:

Cuidados com a pele

O uso de sabonetes com detergentes agressivos retira da pele os seus lipídios naturais e a sua umidade, provocando uma pele seca, áspera e rachada.

Uma boa rotina de cuidados com a pele é muito importante para prevenir e tratar a pele seca, áspera e rachada.

Um hidratante adequado deve ser aplicado com frequência sobre a área afetada. O melhor momento para se aplicar um produto hidratante é quando a pele está limpa e levemente úmida, por exemplo, após o banho ou ducha. Hidratantes com compostos que restauram o funcionamento das camadas mais profundas da pele são recomendados para peles muito secas, ásperas e rachadas.

Lavar com frequência também é um fator que leva a uma pele seca, áspera e rachada. Banhos e duchas não devem ser quentes ou longos demais, pois isso faz com que os lipídios naturais da pele, e fatores hidratantes naturais, sejam removidos, reduzindo a capacidade da pele de reter umidade.

É importante que as soluções de limpeza sejam suaves o suficiente para não remover os próprios lípidos da pele.

Ajude a recompor a sua pele para restaurar o equilíbrio da umidade, utilizando produtos de cuidados com a pele próprios para peles secas.
Clima, estações e exposição ao sol
As mudanças de estações são uma causa comum, levando a uma pele seca, áspera e rachada. Durante os meses de inverno, a pele fica exposta ao frio e aos sistemas de aquecimento internos. Estas condições levam ao ressecamento desta pele. Ela fica áspera e rachada durante esse período e, se não for tratada, rachaduras podem aprofundar e inflamar.

Durante os meses quentes de verão a pele fica seca devido à exposição excessiva ao sol. A pele com queimaduras solares fica mais suscetível ao ressecamento. Para evitar que ela fique áspera e se rompa, deve-se aplicar um filtro solar que contenha um hidratante e que não contenha perfume ou outros agentes irritantes como corantes, por exemplo.

Riscos ocupacionais
Certas profissões possuem um risco maior de desenvolver uma pele ressecada, a qual pode ficar muito áspera e rachada. São ocupações que envolvem a exposição da pele a determinadas condições, como calor ou frio intensos (agricultores/pescadores), ou uso frequente de detergentes (médicos/enfermeiros/cabeleireiros).

A exposição solar faz com que a pele perca umidade e deixe a pele seca ainda mais seca. Além disso, os raios UV podem causar mudanças permanentes na pele.

Algumas profissões podem exigir que as mãos sejam lavadas com frequência. Isso provoca o problema de pele seca.
Desidratação
A pele recebe sua hidratação através do corpo e , portanto, é dependente do equilibrio de água no organismo. Quando desidratado, o corpo reduz a oferta de umidade à pele, desacelerando o fluxo natural da água o que contribui para uma pele seca. Pessoas na melhor idade ficam mais propensas à desidratação, pois a sensação de sede diminui com o passar dos anos.

Leia também: Problemas de pele causas

Fumar
O cigarro contém muitas toxinas, incluindo a nicotina, que provocam uma redução significativa no fluxo do sangue. Isso leva a uma diminuição na taxa de metabolismo no interior da pele, o que faz com que as fibras de suporte no tecido conjuntivo percam a sua elasticidade. Isso significa que a pele envelheceu precocemente e ressecará com maior facilidade.

SOLUÇÕES
Tratando a pele seca e áspera do corpo
Evitando os fatores que contribuem para o ressecamento da pele

Além de adotar uma boa rotina de limpeza e hidratação, é importante evitar fatores que favoreçam o ressecamento da pele. Isso ajudará a amenizar os impactos do ressecamento e a necessidade de tratamento:

Evite o ar seco gastando menos tempo ao ar livre, em climas quentes e frios, e use um umidificador dentro de casa quando o aquecimento estiver ligado.
Reduza o tempo gasto sob a água quente tomando duchas rápidas ao invés de banhos mais longos.
Use luvas ao lavar a louça, isso ajudará a evitar a água quente e os detergentes fortes.
Use roupas feitas de materiais naturais, como o algodão e a seda, que não irritam a pele. A lã é natural, mas pode irritar a pele, por isso deve ser evitada.
Ao lavar as roupas, faça uso de sabão neutro, isento de corantes e perfumes pois estes agentes podem permanecer nas roupas após a lavagem e instigar o ressecamento e a irritação da pele.
Beba quantidades adequadas de líquidos.

Roupas feitas com materiais naturais, como o algodão e a seda são a melhor opção para a pele seca, pois não provocarão uma irritação extra.

É sempre bom proteger as mãos com luvas quando são submetidas a um contato frequente com água ou detergentes.
Para curar o problema da pele seca, é necessário adotar uma rotina de cuidados com a pele, que não cause uma maior deterioração da sua barreira. Além disso, repor fatores de hidratação naturais, como a ureia, também ajudará a restaurar o equilíbrio da pele e, idealmente, também tratará a deficiência de substâncias vitais que regulam o fluxo de água nas camadas mais profundas da pele.

A pele ressecada pela diabetes ou pela psoríase exigem o uso de produtos adequados, dependendo da gravidade do ressecamento, Nos casos de Dermatite Atópica faz-se necessário o uso de produtos específicos para o cuidado diário da pele, especialmente no caso de bebês e crianças pequenas. Ao escolher um produto de cuidados com a pele para as crianças, verifique sempre a recomendação de idade.

Limpeza da pele seca e áspera do corpo

Como a causa principal do ressecamento e aspereza da pele é a quebra da barreira superficial, é importante que o processo de limpeza seja suave o suficiente para não remover os próprios lipídios da pele.

Ao invés de esfregar a pele molhada com uma toalha, deixe-a quase seca com leves toques.
Hidratação da pele seca e áspera do corpo

O primeiro requisito que os hidratantes para pele seca devem ter é o de restaurar o equilíbrio de umidade nas camadas superiores da pele.

Ureia e Lactato: São fatores de hidratação naturais (FHN) que atraem e retém a umidade no estrato córneo, ou na camada superior da pele. A pele muito seca, que ficou áspera e rachada, exige uma maior concentração desses fatores de hidratação naturais. Em geral, os produtos para a pele seca e muito seca devem ter, pelo menos, 5% a 10% de ureia, respectivamente.

A ceramida-3 componente da barreira lipidica da pele, contribui na reparação desta barreira natural que retarda a taxa de evaporação de água na pele, regulando assim a perda de umidade.

O glucoglicerol estimula as aquaporinas da pele e ajuda a apoiar o fluxo ascendente natural de umidade para as camadas superiores. O equilíbrio da umidade nas camadas superiores da pele depende de um suprimento adequado de hidratação para as camadas mais baixas e, logo, restabelecer esse equilíbrio nas camadas inferiores é um pré-requisito para hidratar a pele completamente.

 

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *